Enfrentamento à violência doméstica é tema do Juízes em Ação

Enfrentamento à violência doméstica é tema do Juízes em Ação

Magistrada Madgéli Frantz Machado, do 1º Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Porto Alegre, é a entrevistada desta semana.

O programa Juízes em Ação, que vai ao ar nesta terça-feira (1º/12), às 13 horas, pela Radioweb AJURIS, apresenta entrevista com a juíza de Direito Madgéli Frantz Machado, titular do 1º Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Porto Alegre. No programa, a magistrada fala sobre as atividades da 3ª edição da Semana da Justiça pela Paz em Casa, sobre o VII Fórum Nacional de Juízes de Violência Doméstica e Familiar conta a Mulher (FONAVID) e também analisa o crescimento de casos de feminicídios no Estado.

O FONAVID, realizado de 18 a 20 de novembro, em Foz do Iguaçu (PR), conforme a magistrada, foi importante para a troca de experiências e ações promovidas pelos Juizados de Violência Doméstica no País. O RS, por exemplo, apresentou a prática de Justiça Restaurativa aplicada aos casos de violência contra a mulher, ação liderada pela juíza Andrea Hoch Cenne, do Juizado da Violência Doméstica de Novo Hamburgo. A juíza Madgéli também relata no programa a eleição dos participantes do FONAVID que lhe escolheram para presidir o Fórum. Ela credita a escolha ao trabalho promovido pelo Judiciário gaúcho no enfrentamento à violência doméstica.

Nesta semana, o Judiciário gaúcho integra mobilização nacional para o julgamento de casos de violência doméstica, principalmente aqueles que envolvam o feminicídio, que cresceu no Estado, segundo dados do Mapa da Violência. Madgéli analisa os dados no programa: “Que a sociedade toda se volte para isso, que possa estar atenta que estamos diante de um fenômeno que nós temos que dar conta. É o momento de nós todos atuarmos positivamente para frear essa violência”, afirma.

Para a magistrada, o momento no País é de transformação. Vários movimentos reivindicam respeito, direitos e, principalmente, o fim da violência física, psicológica e sexual contra as mulheres. “A gente não pode parar. Temos que ter mais vigor para trabalhar na questão da prevenção desde casa, desde as crianças na escola. Se conseguirmos mudar essa cultura de dominação, de propriedade, de machismo, nós vamos conseguir contornar essa situação”, pondera.

Produzido pela Radioweb AJURIS, o programa Juízes em Ação é apresentado pelo jornalista Cristofer de Mattos e vai ao ar nesta terça-feira (1º/12), às 13 horas, com reprise às 21 horas e na quarta-feira (2/12), às 11 horas. A programação e os áudios das edições já transmitidas estão disponíveis em AQUI. Para ouvir a Radioweb clique AQUI.

Departamento de Comunicação
Imprensa AJURIS
51 3284.9108
ajuris.org.br