Magistrada Renata Gil será a primeira mulher a presidir a AMB

Magistrada Renata Gil será a primeira mulher a presidir a AMB

A Chapa 2 AMB + Forte, Uma Só Magistratura, liderada pela magistrada Renata Gil, foi a vencedora das eleições da Associação dos Magistrados Brasileiro (AMB) com quase 80% dos votos. A apuração dos votos e o anúncio do resultado ocorreram na noite desta sexta-feira (8/11). Renata Gil, que é a atual presidente da Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro, será a primeira mulher a presidir a associação.

Por decisão de seu Conselho Executivo, a AJURIS integrou a chapa e fará parte da nova administração, que toma posse em solenidade no dia 11 de dezembro, em Brasília, para a gestão 2020-2022. A presidente da AJURIS, Vera Lúcia Deboni, foi eleita como vice-presidente de Políticas Remuneratórias. Também estarão na nova administração os magistrados Madgéli Frantz Machado (secretária de Direitos Humanos), Charles Maciel Bittencourt (coordenadoria da Infância e Juventude), Elaine Harzheim Macedo (coordenadoria de Aposentados) e José Antônio Azambuja Flores (diretor de Jogos da Magistratura), todos dirigentes da AJURIS. Também integram a chapa vencedora os magistrados gaúchos Sérgio Antônio Berni de Brum (subcoordenador regional da Justiça Militar) e Gustavo Alberto Gastal Diefenthaler (secretário de Juizados Especiais).

“É preciso fazer um agradecimento, em nome da AJURIS, aos associados que apoiaram nossa decisão de integrar a Chapa 2, nos deram o seu voto e que certamente também estarão conosco na futura administração da nossa principal entidade de classe”, disse a presidente Vera Lúcia Deboni.

A votação no Rio Grande do Sul teve 622 eleitores. A comissão eleitoral responsável pela eleição no Estado foi integrada pelos magistrados Jane Maria Köhler Vidal (presidente), Vanise Röhrig Monte, Ruy Simões Filho, Silvio Viezzer e Antonio Janyr Dall Agnol Júnior. Os votos por sobrecarta e por cédulas na urna (presencial) foram apurados na Sede da AJURIS, e o resultado local foi proclamado pela presidente da comissão. “A eleição transcorreu com absoluta normalidade e transparência. Parabenizo a chapa vitoriosa e os colegas das demais chapas por legitimarem o pleito da nossa associação”, disse Jane Maria.

OS RESULTADOS

Votação nacional

Chapa 1 Magistratura Independente: 951 votos (11,46%)

Chapa 2 AMB + Forte, Uma Só Magistratura: 6.584 votos (79,32%)

Chapa 3 Unidade (das) Carreiras e (é) Independência (da Magistratura): 765 votos (9,22%)

Votação no RS

Total de eleitores: 622

Votos pela internet: 268

Votos por sobrecarta: 312

Votos presencial: 42

Apuração no RS apenas com os votos de sobrecarta e presencial (sem os votos da internet, que não foram divulgados pela AMB até a noite de sexta-feira):

Chapa 1: 20 votos

Chapa 2: 241 votos

Chapa 3: 87 votos

Brancos e nulos: 6 votos